As Claras 

Moradores da Vila São José recebem assistência após desabamento





7/12/2019

Por volta das 21h de quinta-feira (5), agentes da Subsecretaria do Sistema de Defesa Civil entregaram colchões, cobertores e cestas básicas a uma família na Vila São José, em Vicente Pires. Após fortes chuvas, parte da residência desabou. A casa precisou ser interditada após avaliação da Defesa Civil, que foi acionada para avaliar a gravidade e riscos nas áreas atingidas. O GDF vai se responsabilizar por todos os danos sofridos pela família.

“Ao chegarmos ao local, nos deparamos com a família, que precisou dos itens doados – seis colchões, seis cobertores e duas cestas básicas”, conta o subsecretário da Defesa Civil, Sérgio Bezerra. “Além do desabamento, houve rompimento de tubulação de esgoto nos fundos da residência.”

A família, formada por uma viúva com filhas e netos, não precisou ser realocada para um abrigo. Eles foram para casa de parentes vizinhos, mas, se fosse preciso, a Defesa Civil acionaria outros órgãos competentes para providenciar abrigo. “É responsabilidade do Estado garantir a dignidade humana em situações de desastre”, lembra. “Isso implica também abrigo e alimentação, caso necessário.”

Alertas de chuvas

Nesta semana, a Defesa Civil emitiu alertas de tempestades no Distrito Federal e orientou a população por meio de SMS. Este é o procedimento adotado pelo órgão para orientar as pessoas diante do risco de inundações, alagamentos, temporais ou deslizamento de terra.

Desde setembro, a Defesa Civil tem se reunido com outros órgãos do GDF para definir estratégias e ações de enfrentamento a possíveis desastres. Em situações de emergência, primeiramente deve ser acionado o Corpo de Bombeiros (193). Chamada pelos militares quando é detectada ameaça de desabamento, a Defesa também pode ser acionada pelo cidadão pelo telefone 199.

* Com informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP)

Fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA *


Comente esta notícia:

Comente esta notícia:

Nome:      E-mail: 

Comentário: