As Claras 

Eleições no Uruguai. Partidos elegem seus candidatos. Chegará ao fim a esquerda como governo no Mercosul?





1/7/2019

Palacio Salvo e Plaza Independência. Montevidéu. Créditos Wikipédia.

Uruguai, pais membro do Mercosul com uma população em número como a do Distrito Federal, celebrou hoje as eleições internas para presidenciáveis com quase 40% de votantes apresentados nas urnas. Destacam-se com possibilidades de ser o próximo governo os eleitos pelos três principais partidos.
Como candidato a presidente para o Partido Colorado surgiu vencedor das urnas Ernesto Talvi de 62 anos concorrendo pela primeira vez, economista formado na UDELAR (Universidad de la República) e também na Universidade de Chicago (a mesma do Ministro de Economia Paulo Guedes). Ele se apresenta como liberal e progressista ao mesmo tempo. Parece mais um centro e centro esquerda. Deixou pelo caminho na luta dos sufrágios ao ex-presidente de dois períodos, Julio Maria Sanguinetti.
Pelo Partido Blanco foi eleito o advogado formado pela UDELAR, Luis Alberto Lacalle Pou de 45 anos (filho do ex-presidente Luis Alberto Lacalle Herrera criador do Mercosul com Menem, Andrés Rodrigues e Collor em 1991) e que concorre pela segunda vez. Este candidato é um homem de centro direita, tendo vencido a um candidato de direita conhecido como Sartori o Bolsonaro do Uruguai. O presidenciável já escolheu a Beatríz Argimón para compor a chapa como candidata a vice-presidente, mulher feminista de segunda onda.
Pelo Frente Amplio foi eleito o engenheiro mecânico Daniel Martínez de 62 anos, formado pela UDELAR no Uruguai, e político de longa data, tendo sido Intendente (prefeito) de Montevidéu, sendo a primeira vez que concorre para a cadeira presidencial deixando em segundo lugar a outra candidata Carolina Cosse.
O Partido Colorado governou aquela nação por mais de 150 anos e perdeu somente cinco vezes e que se destacou por ser o responsável de o Uruguai ser chamado de “Suíça da América”. Curioso é saber que este partido legou aos gaúchos rio-grandenses de lenço colorado, a cor do lenço e o nome de maragatos, devido aos “gauchos” de Município de San José que usavam esse lenço com essa cor por causa deste Partido Colorado e tinham esse nome pela ascendência espanhola de Maragatería e que Saraiva os levara para o RS na luta federalista. Este é um partido de centro, centro esquerda e centro direita.
O Partido Nacional ou Blanco: compõe com o Colorado a lista dos dois partidos políticos mais velhos do mundo caracterizado por ter tido um governo onde os imigrantes voltavam para sua nação. Conhecido por ser um partido de direita.
E o Partido Frente Amplio: que governa os “orientais” há três períodos e deixou como marca a legalização do “casamento gay” e a legalização da maconha). Partido de esquerda e extrema esquerda. Este é uma coligação de muitos partidos de ultraesquerda, esquerda, centro esquerda num só.
No dia domingo 27 de outubro os uruguaios elegerão o novo presidente em primeiro turno ou no segundo turno no dia 24 de novembro.
As diferentes pesquisas indicam até este momento que o atual governo de esquerda chegará ao fim e assumirá um governo de direita novamente, devido principalmente ao aumento da criminalidade.
Luis Ezequiel L. Cuevas.


Fonte: Luis Ezequiel L. Cuevas


Comente esta notícia:

Comente esta notícia:

Nome:      E-mail: 

Comentário:





Últimas noticias