As Claras 

DFTrans implanta carga embarcada para estudantes





8/4/2013

Os alunos da rede de ensino oficial do Distrito Federal beneficiados pelo Passe Livre Estudantil passarão a contar com o benefício da carga embarcada. O novo sistema, operacionalizado pela Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), beneficiará 180 mil estudantes do DF.

Com a carga embarcada, o estudante não precisará mais se deslocar até os postos do Sistema de Bilhetagem Automática (SBA/DFTrans) para renovar sua matrícula e receber carga em seu cartão. O processo será automatizado e tais informações serão enviadas eletronicamente ao DFTrans pela instituição de ensino onde o aluno estuda. Basta o aluno passar o seu cartão no validador instalado nos ônibus.

"O estudante ganhará conforto e comodidade, pois não terá mais que se deslocar aos postos do SBA. E as instituições de ensino não precisarão mais emitir declarações de matrícula. O processo será feito automaticamente e em segundos", explica o diretor geral do DFTrans, Marco Antonio Campanella.

Os primeiros alunos beneficiados serão os das escolas públicas de Planaltina, Sobradinho, Brazlândia e de todos os campus da UnB. A previsão é de que até outubro de 2013 o processo seja colocado em prática em todo o DF. Com o desafogamento das lojas, a ideia é ter um posto do SBA em cada cidade satélite. Os alunos já beneficiados não terão que fazer alteração em seus cartões quando a frota for renovada.

O gasto do Governo do Distrito Federal com o Passe Livre Estudantil é de 7 milhões de reais por mês. A gratuidade é garantida pela lei n° 4.462 de 13 de janeiro de 2010.



Como receber o benefício?

O estudante que já possui o cartão do Passe Livre Estudantil deverá ir a algum posto do SBA uma única vez para trocar a gravação de seu cartão de Recarga para Carga Embarcada. Feito isso, será fornecido direito de viagem ao estudante para que ele frequente a escola regularmente, basta passar o cartão nos validadores instalados nos ônibus. O aluno só precisará retornar aos postos em caso de mudança de endereço ou de troca ou inclusão de novas linhas.

O aluno que não possui o cartão deverá comparecer a algum posto do SBA com o original e cópia do CPF - no caso de menores de idade cópia da identidade e CPF da mãe ou do responsável legal, original e cópia da carteira de identidade ou certidão de nascimento, declaração escolar (validade de 30 dias), cópia do comprovante de residência e termo de compromisso legal preenchido (disponível nos postos). Em até dez dias receberá o cartão já válido para carga embarcada.



Projeto Piloto

Estudantes da área rural já utilizam a carga embarca desde janeiro de 2012. São 47 escolas e 7 mil alunos beneficiados. Na área urbana, o sistema existe desde junho de 2012 para 1,5 mil alunos de 4 escolas (Centro de Ensino Médio 03, de Ceilândia Sul; Centros de Ensino Médio 01 e 02, do Cruzeiro Velho e Novo, respectivamente; Centro de Ensino Médio Stella dos Querubins, em Planaltina).


Fonte:  ASCOM DFTrans


Comente esta notícia:

Comente esta notícia:

Nome:      E-mail: 

Comentário:





Últimas noticias